PORTAL DE INTERNET DA CIDADE DE TERESÓPOLIS - RJ - GUIA COMERCIAL

NOTÍCIAS
DE TERESÓPOLIS

GUIA COMERCIAL Tempo Notícias Classificados Eventos Cinema Anuncie FALE CONOSCO

 

Conferência de Políticas para as Mulheres de Teresópolis

Teresópolis abre o calendário no Estado do Rio de Janeiro

5ª Conferência de Políticas para as Mulheres de Teresópolis - Foto: AsCom PMT
Teresópolis, 26/10/2019 -
Realizada nesta sexta-feira, 25/10, a 5ª Conferência de Políticas para as Mulheres de Teresópolis abriu o calendário da promoção deste importante evento pelos municípios do Estado do Rio de Janeiro.

Durante a conferência, que teve como tema ‘Garantias e Avanços de Direitos das Mulheres: Democracia, Respeito, Diversidade e Autonomia’, as participantes debateram o atual cenário de políticas públicas.

“Vivemos um retrocesso na questão dos direitos humanos individuais e coletivos no país. A sensibilidade do Prefeito e da secretária Margareth Rosi faz com que a conferência seja um marco. As mulheres devem entender que vivemos em um momento de refletir e assumir novas posturas”, comentou a advogada e ex-deputada federal, Ana Maria Rattes, primeira conferencista do evento.

A determinação para propor políticas públicas efetivas de proteção, promoção de direitos e empoderamento feminino marcou a conferência. “Apesar de nossa legislação protetiva, a violência contra a mulher ainda é uma triste realidade. Temos que pensar em políticas públicas para diminuir o abismo entre a legislação e a realidade”, avaliou a promotora de Justiça Carla Pereira da Cruz, titular da 3º Promotoria Criminal de Teresópolis.

Ações e parceria

Iniciativas do Município, como os projetos ‘Maria nos Bairros’ e ‘Maria vem com as outras’, de acolhimento e incentivo à autonomia feminina, com oficinas de alfabetização, artesanato, culinária e orientação profissional, foram destacadas. “Nós temos muitas políticas públicas, a nível municipal, que caminham muito bem. Precisamos elaborar novas, levar ao Governo Federal e cobrar a implementação das que já existem”, pontuou Tania Barone, presidente do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher.

O Centro de Cidadania LGBT Hanna Suzart, de Nova Friburgo, marcou presença na conferência. “Viemos buscar novas parcerias e propor à Gestão Municipal a criação de um núcleo, para que equipe especializada do Centro de Cidadania faça esse atendimento em Teresópolis. Nossa proposta é capacitar os agentes públicos para acolher as demandas da população LGBT”, relatou a coordenadora, Silvia Furtado, acompanhada pela advogada Elizabeth Siqueira e pela assistente social, Flavia Freitas, da diretoria do órgão.

Para a secretária municipal Margareth Rosi, as mulheres devem se posicionar e garantir o seu espaço na sociedade. “Que espaço é esse que a mulher precisa ocupar? Até quando vamos continuar sem ocupar os espaços de direito que temos capacidade de exercer? Temos que defender e criar propostas de políticas públicas reais para as mulheres do Brasil”.

A conferência

Realizada no auditório da empresa Alterdata, a 5ª Conferência Municipal de Políticas para as Mulheres reuniu representantes do poder público e de vários segmentos da sociedade organizada e do movimento de mulheres.

Aberto oficialmente por Margareth Rosi, secretária municipal dos Direitos da Mulher, o evento registrou também a participação do secretário municipal de Governo e Coordenação, Henrique Carregal, da representante do Conselho Estadual dos Direitos da Mulher, Angela Pontes, do delegado Vinicius Galhardo, titular da 110ª Delegacia Legal, e da equipe da Patrulha Maria da Penha, da Polícia Militar.

Portal Terê - com informações da AsCom PMT
 

 

 

Siga o Portal Terê na redes sociais:

 

Copyright Portal Terê ®  Informática Ltda - Teresópolis - RJ - 2001-2019
Expediente - Editoria e Colaboradores - Clique aqui